• Marcio Montagnani

Quais os 4 principais tipos de ataques cibernéticos?

Atualizado: Mai 7



Vamos apresentar neste blog quais são os principais tipos de ataques cibernéticos utilizados no Brasil e no Mundo.


O Brasil é um dos países que mais sofrem com ataques cibernéticos no mundo. Cerca de 65% dos usuários que navegam pela web já foram vítimas de algum tipo de ataque.


Assim como a tecnologia evolui e a forma de consumo da internet se renova todos os dias, os cibercriminosos também buscam a todo instante novas estratégias para cometer seus crimes.


Dicas como trocar suas senhas periodicamente e nunca manter uma sequencia lógica como 123456, a1b2c3 e etc.. não bastam e as empresas precisam se preparar tecnologicamente para se protegerem destes atacantes.


Basicamente os ataques tem por objetivo o roubo de dados, identidades, informações, fraude por e-mail, dados financeiros ou cartões de crédito, extorsão cibernética, derrubar sites, ambientes e uma serie de outros objetivos que prejudicam empresas e pessoas



Podemos classificar como os principais tipos de ataques cibernéticos:


1 - DDoS Attack

Um tipo de ataque que sobrecarrega os servidores e ambientes para provocar lentidão e tornar os sistemas, sites e acessos indisponíveis.

Devido a pandemia as empresas tiveram que correr contra o tempo para liberarem o home-office e a VPN foi a principal escolha para uma solução imediata, mas quando se trata de segurança sabemos que a VPN não é a melhor solução, porém muitas empresas ainda não se atentaram que estão vulneráveis e continuam utilizando esta opção. Como principal solução do mercado global para este tipo de necessidade, as principais empresas do mundo estão buscando pelas soluções da AKAMAI como o EAA e o ETP para aumentarem a segurança de seus acessos, ambientes e informações.




2 - Phishing

Como o próprio nome diz, os hackers “pescam” os dados e informações dos usuários com iscas específicas para enganá-los. É um dos ataques mais comuns, que normalmente é iniciado por e-mail ou mensagens por whatsapp, e os hackers levam os usuários a revelarem informações sigilosas, incluindo senhas, dados bancários e CPF.

Por mais que sejam ataques comuns e os usuários estão cada vez mais informados, é um dos ataques com mais sucesso nas tentativas! Os ataques são muito bem construídos e orquestrados para realmente convencer os usuários sobre a autenticidade das páginas que podem ser idênticas às verdadeiras.



3 - Ransomware

O Ransomware é o famoso “sequestro de dados” e tem como principal característica o bloqueio de acessos à arquivos de servidores atacados. Somente após o pagamento de valores determinados pelo sequestrador que os atacantes saem de cena e liberam os acessos. Uma discussão vem crescendo durante a pandemia sobre o rastreio desses valores, que são normalmente pagos via Bitcoins.

Na publicação que fizemos (clique aqui para ler) fica evidente que a pandemia aumentou este tipo de ataque devido aos novos acessos remotos em empresas que não se prepararam adequadamente para este desafio.



4 - Malware

O malware é um tipo software malicioso que é implantado em computadores de usuários por diferentes tipos de estratégias como exemplo, mas não se limitando a e-mails falsos, documentos infectados ou programas ilegais “piratas”.


O principal objetivo deste tipo de ataque é reduzir a performance dos equipamentos e também executar tarefas não solicitadas pelos usuários. Quando instaurado nos computadores, o Malware se oculta e se mantém ativo sem que a maior parte das ferramentas de segurança possam o detectar.

 

Sabemos que o Malware mais utilizado hoje em dia, é o “malware fireless” ou sem arquivo. Diferente do tradicional, ele não utiliza diretamente o sistema de arquivos ou o arquivo, ele se dissemina e explora apenas a memória ou até mesmo utiliza objetos dos sistemas operacionais como tarefas agendadas, chaves de registro ou APIs.


Além desses principais ataques cibernéticos, podemos destacar uma serie tipos de ataques como:

• Ataque DDoS

• Criptojacking

• Backdoor

• Trojan (Cavalo de Troia)

• Port Scanning Attack

• Ataques de força bruta

• ZeroDay

• Spoofing

• Ataque DMA

• Eavesdropping

• Shoulder Surfing

• Decoy

• Manipulação de URL


Realizaremos em breve uma nova publicação sobre a descrição desta lista de tipos de ataques cibernéticos.

Gostou deste artigo? Nos ajude compartilhando em suas redes sociais.

A AKAMAI é a apontada pelo Gartner como líder em WAF. Entre em contato conosco e conheça as soluções de segurança da AKAMAI e saiba como as principais empresas do mundo estão se preparando para este novo cenário global.


(11) 3878 5800 comercial@exbiz.com.br


19 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo