• Marcio Montagnani

O que são e como funcionam os malwares?



Recentemente publicamos artigos sobre principais tipos de ataque cibernéticos como DoS e DDoS e Phishing e neste artigo vamos nos aprofundar sobre Malwares.


O que é malware?


O termo refere-se a um software malicioso que tem o objetivo de danificar dispositivos, redes ou servidores para roubo de dados ou prejudicar o desempenho. Existem diferentes tipos de malware como vírus, ransomware, spyware, Trojan (Cavalo de Troia) e etc..


Com a evolução tecnológica estes tipos de ataques cibernéticos estão cada vez mais sofisticados e difíceis de serem detectados e impedidos com ferramentas tradicionais. As corporações estão optando por soluções mais robustas, seguras e de administração simplificada para defender seus ambientes, como exemplo o ETP (Enterprise Threat Protector) da AKAMAI que é um gateway seguro da Web (SWG) baseado em nuvem que permite que as equipes de segurança garantam que os usuários e dispositivos possam se conectar com segurança à Internet, independentemente de onde os usuários estejam se conectando, sem a complexidade associada às abordagens legadas baseadas em aplicações.



O que faz o malware?

Os objetivos, possibilidades e formas de ataques são variados, o que impossibilita uma definição precisa, mas criamos uma lista com as classes mais comuns de malwares:


  • Ransomware

O Ransomware é o famoso “sequestro de dados” e tem como principal característica o bloqueio de acessos à arquivos de servidores atacados. Somente após o pagamento de valores determinados pelo sequestrador que os atacantes saem de cena e liberam os acessos. Uma discussão vem crescendo durante a pandemia sobre o rastreio desses valores, que são normalmente pagos via Bitcoins.


Na publicação que fizemos (clique aqui para ler) fica evidente que a pandemia aumentou este tipo de ataque devido aos novos acessos remotos em empresas que não se prepararam adequadamente para este desafio.



  • Vírus

Um velho nome conhecido que normalmente é iniciado a partir de um arquivo executável (.exe) que infecta arquivos de dispositivos ou de redes com diferentes objetivos. Uma vez que o arquivo é executado, ele se espalha de forma incontrolável para danificar funções de sistemas.


  • Trojan (Cavalo de Troia)

O conhecido cavalo de Troia (em inglês Trojan horse), é um tipo de malware que executa diferentes ações em um computador com o objetivo de abrir portas para possíveis invasões.


Muitas vezes disfarçado de softwares legítimos, esse tipo de malware se esconde para agir discretamente e abrir portas de entrada para outros malwares ou outros objetivos maliciosos.


Gostou do artigo? Compartilhe! Conheça as soluções da Exbiz clicando aqui ou entre em contato pelos canais abaixo.


(11) 3878 5800 comercial@exbiz.com.br


17 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo