• Vinicius Casagrande

5 dicas de segurança para home office



A pandemia abalou rapidamente vários setores, forçando muitas empresas a usar o modelo de home office sem se preparar. Como resultado, os processos internos de grandes e pequenas empresas foram afetados negativamente, evidenciando a falta de organização empresarial e negligenciando a segurança da informação.


Afinal, precisamos garantir que não haja risco de invasão e roubo de dados.


Confira aqui 5 dicas de segurança que você deve seguir ao trabalhar home office.


Independentemente de como trabalha, seja freelancer ou funcionário, é importante garantir a segurança dos dados que circulam no seu equipamento profissional. Da mesma perspectiva, garantir que as informações do cliente e os direitos de acesso da empresa não sejam compartilhados é fundamental. Especialmente agora que a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados) entrou em vigor.


1 - Evite usar o equipamento da empresa para fins pessoais

É comum que os profissionais deixem suas atividades laborais e se dirijam a instituições de ensino. Porém, devido à pandemia, os cursos são realizados online, permitindo que os alunos acessem seus portais educacionais por meio de computadores e smartphones, e além disso, o acesso pode ser feito a outros tipos de sites que contenham conteúdo malicioso. Por isso, é importante considerar os riscos do uso de equipamentos de trabalho, pois esses equipamentos são de sua responsabilidade enquanto estiverem com você. Se precisar fazer qualquer tipo de atividade computador da empresa, consulte com seu chefe e explique o porquê. Ele pode orientá-lo sobre segurança de dados.


2 - Tente não acessar links e arquivos suspeitos

Isso não quer dizer que sua empresa sofrerá um ataque, mas a possibilidade de roubar informações em casa é maior do que dentro de sua organização. Portanto, tente não clicar em links suspeitos e evite abrir documentos de fontes suspeitas. Se desejar, entre em contato com a equipe de TI e verifique os riscos.


3 - Certifique-se de que sua rede wi-fi doméstica é segura

A primeira dica é certificar-se de que sua rede wi-fi é segura. Isso ocorre porque, em geral, as redes domésticas são mais vulneráveis ​​a ataques e mais vulneráveis. Portanto, é melhor alterar a senha de fábrica do modem e redefini-la para uma senha mais segura.

Tente usar letras maiúsculas e minúsculas, bem como números e caracteres especiais.


4 - Faça backup dos dados com frequência

É imprescindível fazer backups todas as semanas ou mesmo todos os dias!

Especialmente se você lida com muitas informações todos os dias. Isso permite recuperar dados se a máquina for roubada ou sofrer algum dano.

É recomendável copiar as informações pelo menos uma vez por semana e você pode aumentar a frequência do backup conforme necessário.

É importante manter essas cópias nos servidores da sua empresa para que, se houver algum problema com a rede compartilhada, os dados não sejam comprometidos.


5 - Tenha um bom software antivírus

Pode ser um pouco clichê recomendar um software antivírus, mas ter um bom software antivírus pode fazer toda a diferença em um escritório doméstico.

É muito importante fazer uma varredura no computador antes de usá-lo, o mais importante é manter o programa em execução o tempo todo para identificar softwares mal-intencionados e marcar conteúdos perigosos.

Portanto, uma boa ideia para seguir este guia de segurança é exigir que o TI responsável instale o software antivírus (possivelmente remotamente) e tenha algum treinamento sobre como monitorar se o software está funcionando corretamente.



Se a sua empresa precisa de soluções de cibersegurança, a Exbiz pode te ajudar. Entre em contato hoje mesmo pelos canais abaixo.


Esperamos que este artigo tenha sido útil para você e para obter mais informações sobre as soluções AKAMAI clique aqui.


Veja também um artigo sobre 5 dicas para evitar ataques Ransomware em sua empresa


(11) 3878 5800 comercial@exbiz.com.br


6 visualizações0 comentário